Faça o upload de documentos e compartilhe com outras pessoas o que você realmente ama!

A Que Sabe a Lua

Documento: pdf (2.8 MB)
  • 14 páginas
Publicado em 2021-09-08 19:11:47

A Que Sabe a Lua?A Que Sabe a Lua? Michael Grejniec Há muito tempo que os animais desejavam averiguar a que sabia a lua. Era doce ou salgada? Só queriam provar um pedacinho. À noite, olhavam ansiosos para o céu. Esticavam-se e estendiam os pescoços, as pernas e os braços, tentando atingi-la. Mas era tudo em vão, e nem o maior dos animais era capaz de tocá-la. Um belo dia, a pequena tartaruga decidiu escalar a montanha mais elevada para poder chegar á lua. Vista lá de cima, a lua estava mais próxima, mas a tartaruga ainda não podia tocá-la. Então chamou o elefante. - Sobe para as minhas costas, talvez cheguemos à lua. A lua pensou que se tratava de um jogo e, à medida que o elefante se ia aproximando, afastou-se um pouco. Como o elefante não pôde tocar a lua, chamou a girafa. - Se subires para as minhas costas, melhor a alcançaremos. Mas ao ver a girafa, a lua distanciou-se um pouco mais. A girafa esticou, esticou o pescoço quanto pôde, mas não serviu de nada. E chamou a zebra. - Se subires para as minhas costas, é provável que nos aproximemos dela. A lua começava a divertir-se com aquele jogo e afastou-se outro pedacinho. Também a Zebra não conseguiu tocar a lua e chamou o leão. - Se subires para as minhas costas talvez possamos alcançá-la. Mas quando a lua viu o leão, tornou a subir um pouco mais. Também desta vez não consegui tocar a lua, e chamaram o raposo. - Verás que conseguimos, se subires para as minhas costas – disse o leão. Ao ver o raposo, a lua afastou-se mais um pedacinho. Agora só faltava um pouquinho de nada para tocar a lua, mas esta desvanecia-se cada vez mais. E o raposo chamou o macaco. - De certo, desta vez conseguimos. Anda, sobe para as minhas costas! A lua viu o macaco e retrocedeu uma vez mais. O macaco já podia cheirar a lua, mas tocá-la, nem pensar! E chamou o rato. - Sobe para as minhas costas e tocaremos a lua. A lua viu o rato e pensou: - Um animal tão pequeno, certamente não poderá alcançar-me. E como já começava a aborrecer-se com aquele jogo a lua ficou onde estava. Então o rato passou trepando por cima da tartaruga, do elefante, da girafa, da zebra, do leão, do raposo, do macaco e … … … de uma dentada só, de uma dentada só, arrancou um pequeno pedaço da lua. arrancou um pequeno pedaço da lua. Saboreou, satisfeito, Saboreou, satisfeito, e depois foi dando migalhas do e depois foi dando migalhas do pedacinho ao macaco, ao raposo, ao pedacinho ao macaco, ao raposo, ao leão, à zebra, à girafa, ao elefante e à leão, à zebra, à girafa, ao elefante e à tartaruga. tartaruga. E a lua soube-lhes exactamente àquilo E a lua soube-lhes exactamente àquilo que cada um deles mais que cada um deles mais gostava. gostava. Nessa noite, os animais dormiram muito juntos. Nessa noite, os animais dormiram muito juntos. O peixe que tinha visto tudo sem entender nada, disse: -Esta é boa! Tanto esforço para chegar à lua, lá em cima no céu, tão longe… Acaso não vêem que aqui na água há outra tão perto?

mostrar mais
Etiquetas:

Comentários para: A Que Sabe a Lua • 0